Agrofloresta

O alimento constitui não apenas a parte principal das riquezas do mundo, mas é sua abundancia que confere a muitas outras espécies de riqueza,  a principal parcela do seu valor

Essa frase foi escrita por Adam Smith e revela uma verdade ignorada por toda a sociedade. A maioria das pessoas desconhece a forma como os alimentos são produzidos e ignoram que o preço de qualquer bem, seja carro, casa, viagem ou Ipad, é determinado pelos preços dos alimentos. Todo o conforto e avanço da tecnologia que temos hoje é resultado de uma incrível, mas destruidora produção agrícola.

A simplificação da agricultura e sua diminuição de mão de obra, através da monocultura, mecanização, adubos químicos e agrotóxicos, aliado ao desnecessário e excessivo consumo, é responsável pela maior devastação ambiental jamais vista pela humanidade.

Tentar reflorestar e produzir alimentos ao mesmo tempo, aliado as mudanças de habitos de consumo, deveria ser uma obrigação da sociedade e não algo tratado como utopia ou romantismo. Na minha opinião, esta é a única saída para questão ambiental que a sociedade passa atualmente.

Existem muitas definições e formas de fazer agrofloresta. Eu prefiro dizer que é um modo de produção agrícola biodiverso, que envolve no mesmo espaço espécies de interesse comercial e nativas. O objetivo é reflorestar e produzir alimentos ao mesmo tempo.

Na pagina pomares descrevo experiências com sistemas agroflorestais, na pagina espécies, o comportamento de varias espécies de plantas nesses ambientes e na pagina técnicas especiais, ideias que ajudam a acelerar o desenvolvimento das arvores e de toda a floresta.